, ,

Avaliação das formas e métodos de eficácia de esterilização empregados por cirurgiões dentistas da cidade de Teresina/PI


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Vol. 10 – Número 38 – 2019 CADERNO DE ODONTOLOGIA CLÍNICA Artigo original / Original article  Página 106-111 Avaliação das formas e métodos de eficácia de esterilização empregados por cirurgiões dentistas da cidade de Teresina/PI Evaluation of sterilization forms and verification methods used by dentists in Teresina – PI Julio Cesar de Paulo Cravinhos1 Ingrid Madeira de Barros Nunes2 Fernanda Carollyne Vasconcelos Silva Gomes3 Valdimar da Silva Valente4 Henrique Ferreira Lima5 Resumo Este estudo teve como objetivo analisar os métodos de esterilização utilizados pelos cirurgiões dentistas, observando se fazem o uso de indicadores que verificam a eficácia da esterilização, quais indicadores são empregados e com que frequência. Cinquenta cirurgiões dentistas participaram da pesquisa, respondendo a um questionário com perguntas abordando aspectos sobre a forma de esterilização realizada no local onde o profissional atua. O método de esterilização mais utilizado foi a autoclave. Apenas 44,9% dos entrevistados souberam responder a correta relação tempo/temperatura da autoclave, e metade dos que utilizavam estufa respondeu de forma errônea. 96% dos profissionais fazem uso de algum indicador de verificação de eficácia de esterilização. O indicador mais utilizado foi a fita adesiva externa, empregada diariamente. O meio biológico é pouco utilizado e numa frequência inadequada. A maioria dos entrevistados faz descontaminação do instrumental com lavagem com água e detergente e acondicionamento em papel grau cirúrgico. As respostas obtidas nesta pesquisa indicam que há necessidade de maior conscientização por parte dos profissionais em relação à sua responsabilidade no controle de infecção, sendo necessária uma busca maior por conhecimento em relação às formas de esterilização e o uso de indicadores para verificação de eficácia. Descritores: Odontologia, controle de infecções. Abstract The aim of this study was to analyze the sterilization methods used by dentists, observing if they use indicators that verify the effectiveness of sterilization, which are the indicators and how often are they used. Fifty dentists participated of the survey, answering a questionnaire with questions about aspects of form of sterilization carried out at the place where the professional woks. The most widely used sterilization method was the autoclave. Only 44.9% of those interviewed could answer the correct relation of autoclave time/temperature and half of those that used ovens answered wrongly. 96% of professionals make use of some sterilization effectiveness check indicator. The most widely used indicator was the external tape used daily. The biological indicator is underutilized and in an inadequate frequency. Most of the dentists interviewed perform decontamination of instruments washing with water and detergent and packaging in surgical grade paper. The answers obtained in this study indicate that there is need of greater awareness from professionals in relation to their responsibility to control infection, requiring a greater search of knowledge about ways of sterilization and the use of indicators for efficacy verification. Descriptors: Dentistry, infection control. 1 Me. em CTBMF – FOP Unicamp, Doutorando em Engenharia Biomédica – UNIVAP, Prof. da Área de Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofaciais e Implantodontia – UFPI. 2 Dra. em Ortodontia – Unesp, Profa. da Área de Anatomia Humana da Faculdade de Ciências Médicas – UESPI. 3 CD. – UFPI. 4 Dr. em Implantodontia – USC/Bauru, Prof. Adjunto da Área de Prótese Dental e Implantodontia – UFPI. 5 Aluno de Graduação de Odontologia – UFPI.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Avaliação das formas e métodos de eficácia de esterilização empregados por cirurgiões dentistas da cidade de Teresina/PI"

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close