, ,

Análise da força de adesão após recolagem utilizando bráquetes novos e recondicionados


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Resumo
O objetivo deste trabalho foi comparar a força adesiva
na recolagem de bráquetes novos e reutilizados, quando os
mesmos procedimentos da colagem inicial são realizados.
Foram utilizados 20 incisivos bovinos. Na face vestibular de
cada dente foi colado bráquete metálico (Morelli, Sorocaba,
Brasil), seguindo o mesmo protocolo de colagem. Para a primeira
descolagem foi utilizada força de cisalhamento através
da máquina de ensaios mecânicos (Emic dl 500 mf célula
drd 23, São José dos Pinhais, Paraná – Brasil). Para a segunda
colagem (recolagem), a amostra foi dividida em grupo 1 e
grupo 2 (1R e 2R). Em ambos os grupos foram realizados os
mesmos procedimentos da colagem inicial, sendo que no
grupo 2R foram usados bráquetes reutilizados por microjateamento.
Nos dois grupos (1 e 2), a descolagem foi feita
empregando-se a mesma máquina de ensaios mecânicos,
pelo mesmo operador, e foram anotadas as cargas de rupturas.
Foi aplicada à amostra a análise de variância (Anova)
que calculou as médias, desvios-padrão e mostrou haver
diferença entre os grupos, sendo realizado então, o teste
de múltipla comparação de Tukey. Os resultados mostraram
que a recolagem com bráquetes metálicos pode ser considerada
uma boa alternativa para o tratamento ortodôntico.
Descritores: Bráquetes ortodônticos, colagem dentária,
Ortodontia, descolagem dentária.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Análise da força de adesão após recolagem utilizando bráquetes novos e recondicionados"

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close