, ,

Harmonização Orofacial em paciente com paralisia hemifacial permanente


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Vol. 1 – Número 3 – 2020 Relato de caso Página 56 Harmonização Orofacial em paciente com paralisia hemifacial permanente Luiz Guedes de Carvalho Neto¹ Maria Carolina Bandeira Macena² Myllena Alves Xavier² Joelma Silva de Andrade³ RESUMO A paralisia facial, quando existente, deve ser tratada de forma a recuperar simetria estática e dinâmica, afetadas de forma significativa em portadores desta afecção. No presente caso a paciente é portadora de paralisia facial do lado direito devido ressecção de tumor do tipo schwannoma em região mastóidea, evoluindo com ptose acentuada dos tecidos faciais ipsilateral, no qual trazia um desconforto à paciente, afetando tão quanto sua vida social, foi realizada harmonização de sua face por meio do uso de fios de polidioxanona em conjunto com uso da Toxina Botulínica e preenchimento com ácido hialurônico. O presente trabalho tem por objetivo relatar um caso e correlacionar com a literatura o uso de fios de polidioxanona em conjunto com uso da Toxina Botulínica e preenchimento com ácido hialurônico em paciente com hemiparalisia facial direita. A combinação de técnicas com uso do fio de PDO para o lift facial em conjunto com a toxina botulínica e o ácido hialurônico constitui um procedimento seguro e eficaz para correção de desarmonias na face resultante de dano permanente ao nervo facial. Descritores: Paralisia facial, toxinas botulínicas, reabilitação. ¹ Graduação em Odontologia, Me. em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial. ² Graduação em odontologia, Esp. em Ortodontia. ³ Graduação em Odontologia, Residente em Cirurgia e Traumatologia Bucomaxilofacial.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Harmonização Orofacial em paciente com paralisia hemifacial permanente"

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close