, ,

Tratamento da Classe II, divisão 1 com auxílio de ancoragem esquelética – relato de caso.


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Resumo
A má oclusão Classe II pode ser corrigida de diversas formas, dependendo da severidade, da idade e
nível de colaboração do cliente. Diversos recursos mecânicos de distalização de molares são descritos
na literatura, dentre eles aparelho extrabucal, elásticos intermaxilares e distalizadores intrabucais.
A ancoragem esquelética com mini-implantes tem sido um importante auxiliar na distalização de
molares. Nesse relato de caso foi utilizado um mini-implante na sutura palatina mediana conjugado
a uma barra transpalatina como auxiliar para a correção ortodôntica de uma Classe II, divisão 1, com
sobremordida profunda e sobressaliência severa. Os resultados foram satisfatórios com uma finalização
dentro dos padrões de normalidade, demonstrando que a mecânica de tratamento proposta
foi eficiente na correção dessa má oclusão.
Descritores: Má oclusão Classe II, mini-implantes, ancoragem.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Tratamento da Classe II, divisão 1 com auxílio de ancoragem esquelética – relato de caso."

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close