, ,

Desafio da localização clínica de canais radiculares parcialmente mineralizados identificados em tomografia computadorizada de feixe cônico – relato de caso


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Vol. 10 – Número 38 – 2019 CADERNO DE ODONTOLOGIA CLÍNICA Artigo de Endodontia Relato de caso / Case report Página 138-143 Desafio da localização clínica de canais radiculares parcialmente mineralizados identificados em tomografia computadorizada de feixe cônico – relato de caso Challenge of clinical location of partially mineralized root canals identified in cone beam tomography – case report Victoria Martina Trucci1 Simone Bonato Luisi2 Resumo O presente relato de caso tem como objetivo demonstrar a relevância da tomografia computadorizada de feixe cônico (TCFC) como ferramenta útil no diagnóstico de canais parcialmente mineralizados e discutir a limitação clínica que uma anatomia atípica impõe. Paciente do sexo feminino, 53 anos de idade, foi encaminhada para tratamento endodôntico do dente 27, o qual apresentava acesso apenas aos canais palatino (P) e mésio-vestibular (MV). Além destes dois canais já acessados, a TCFC identificou a presença dos canais disto-vestibular (DV) e mésio-palatino (MP). Com o uso do microscópio operatório (MO) e por meio de desgaste seletivo com pontas de ultrassom, foi possível localizar o canal DV, entretanto, o canal mésio-palatino (MP) não foi localizado. Em função da grande mineralização presente nos terços cervical e médio deste canal e do risco de perfuração eminente, seu acesso ficou impossibilitado. A TCFC é um recurso auxiliar na Endodontia, sendo indicada para os casos endodônticos complexos onde os benefícios de seu uso superem os seus riscos. Embora a TCFC forneça imagens com maior número de detalhes e informações sobre complexidade anatômica presente, ainda assim existem limitações clínicas que são intransponíveis mesmo com o auxílio de recursos como ultrassom e microscópio operatório, o que demonstra, mais uma vez, o quanto a complexidade anatômica representa um desafio constante para o sucesso endodôntico. Descritores: Endodontia, diagnóstico, tomografia computadorizada de feixe cônico. Abstract The present case report aims to demonstrate the relevance of cone-beam computed tomography (CBCT) as a useful tool in the diagnosis of partially mineralized canals and to discuss the clinical limitation that atypical anatomy imposes. A 53-year-old female patient was referred to endodontic treatment of tooth 27, which had access only to the palatal (P) and mesiobuccal (MB) canals. In addition to these two root canals which had already been accessed, the TCFC identified the presence of vestibular canal (DV) and mesiopalatal canal (MP). Using the operative microscope (MO) and through selective wear with ultrasound tips, it was possible to locate the DV canal, however the MP canal was not found. Due to the great mineralization present in the cervical and middle thirds of this canal and the risk of imminent perforation, it was impossible to access it. Cone-beam computed tomography (CBCT) is an auxiliary resource in Endodontics and is indicated for complex endodontic cases in which the benefits of its use outweigh its risks. Although the CBCT provides images with greater detail and information on anatomical complexity, there are still clinical limitations that are insurmountable even with the aid of resources such as ultrasound and operative microscope, which demonstrates how much anatomical complexity represents a constant challenge for endodontic success. Descriptors: Endodontics, diagnosis, cone-beam computed tomography. 1 CD Esp.a em Endodontia, Ex-aluna do Curso Esp. em Endodontia – UFRGS. 2 Prof. Adjunta – UFRGS, Prof. de Ensino Superior.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Desafio da localização clínica de canais radiculares parcialmente mineralizados identificados em tomografia computadorizada de feixe cônico – relato de caso"

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close