, ,

Avaliação quantitativa da severidade das más oclusões e da necessidade de tratamento ortodôntico em adultos jovens brasileiros


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Vol. 6 – Número 24 – 2013 Artigo original (Original article) Página 488-495 Avaliação quantitativa da severidade das más oclusões e da necessidade de tratamento ortodôntico em adultos jovens brasileiros Quantitative evalution of malocclusion severity and orthodontic treatment need among Brazilian young adults Aline Levi Baratta Monteiro1 Pedro Cesar Fernandes dos Santos2 Benedito Viana Freitas3 Marcelo Cerqueira Trévia4 Cauby Maia Chaves Júnior5 Resumo Os objetivos do presente trabalho foram verificar a prevalência da má oclusão e a necessidade de tratamento ortodôntico em adultos jovens brasileiros, e comparar a distribuição e a severidade da má oclusão entre os sexos. Foram examinados 111 universitários, com idade entre 17 e 33 anos de idade. Indivíduos que estavam utilizando ou que já tinham utilizado aparelho ortodôntico foram excluídos do estudo. O Dental Aesthetic Index (DAI) foi aplicado por uma examinadora calibrada. A média de escore do DAI foi 25,94 (IC 95% 25,07; 26,81), e 15,3% da amostra apresentou más oclusões severas ou muito severas, o que implica em necessidade de tratamento ortodôntico altamente desejável ou obrigatória. O desalinhamento mandibular anterior e o apinhamento dental foram as más oclusões mais prevalentes com 94,6% e 91,9%, respectivamente. Nenhuma diferença estatisticamente significante entre os sexos foi encontrada em relação à distribuição da má oclusão (p>0,05). A severidade da má oclusão foi significativamente maior em homens do que em mulheres (p=0,015). As más oclusões relacionadas à falta de espaço foram as mais prevalentes, embora sem muita severidade. O tratamento ortodôntico foi considerado obrigatório em pouquíssimos estudantese necessário em uma discreta parcela dos estudantes examinados. A má oclusão se distribuiu de maneira semelhante entre homens e mulheres, porém mostrou-se mais severa em homens. Descritores: Má oclusão, prevalência, Ortodontia.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Avaliação quantitativa da severidade das más oclusões e da necessidade de tratamento ortodôntico em adultos jovens brasileiros"

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close