, ,

Avaliação in vitro da atividade antimicrobiana de pastas endodônticas à base de extrato glicólico de Musa paradisiaca frente a Enterococcus faecalis


R$56,00

  Perguntas e Respostas

Resumo
Os produtos de Musa paradisiaca (bananeira) são usados como sedativo para odontalgia, cicatrizante de feridas cirúrgicas de exodontia, úlcera gástrica, entre outras indicações
em comunidades que têm por tradição o uso das plantas como Medicina alternativa. Na
Endodontia, almeja-se uma medicação intracanal ideal contra cepas resistentes em infecções
endodônticas refratárias. Por esse motivo, o objetivo desse trabalho foi testar a atividade
antimicrobiana do extrato glicólico de Musa paradisiaca (Mp) sobre Enterococcus faecalis
(Ef). Para realizar o experimento, o extrato glicólico de Musa paradisiaca (EGB) substituiu o
Polietilenoglicol 400 (PEG), que é um veículo que compõe algumas medicações intracanal.
Foi utilizado o teste de difusão em ágar, pelo método do poço, para a avaliação da atividade
antimicrobiana contra a cepa de Ef, normalmente relacionada a infecções refratárias endodônticas. Experimento “A”: G1, PEG (controle negativo); G2, PEG e Ca(OH)2
; G3, EGB; G4,
EGB e Ca(OH)2
e G5, gel de clorexidina 2% (CHX – controle positivo). Experimento “B”: G1,
PEG (controle negativo); G2, PEG e ZnO; G3, PEG, Ca(OH)2
e ZnO; G4, EGB e ZnO; G5, EGB,
Ca(OH)2
e ZnO e G6, CHX (controle positivo). Apenas a pasta de EGB e ZnO obteve atividade
antimicrobiana estatisticamente significante, podendo ser uma propriedade importante para
a composição de medicação intracanal. Todo novo biomaterial baseado na etnobotânica
deve ser testado criteriosamente para viabilizar sua aplicabilidade clínica, o que justificou a
pertinência deste estudo preliminar. No entanto, testes físico-químicos e de biocompatibilidade são imprescindíveis para futuro emprego de fitoterápicos na Endodontia.
Descritores: Preparações farmacêuticas odontológicas, produtos com ação antimicrobiana, musa, enterococcus faecalis.

Categorias: , ,

Com base em 0 avaliações

0.0 geral
0
0
0
0
0

Seja o primeiro a avaliar "Avaliação in vitro da atividade antimicrobiana de pastas endodônticas à base de extrato glicólico de Musa paradisiaca frente a Enterococcus faecalis"

Ainda não há avaliações.

Informações Gerais

Não há perguntas ainda.

CARRINHO DE COMPRAS

close